18 de ago de 2016

Siga em frente

Ao longo da sua vida, você vai encontrar muito tipo de gente. Gente que vem e fica. Gente que vai e volta. Gente que nem para para perguntar se algo aconteceu. E gente que nem passa.
Ao longo da sua vida, você vai encontrar muito tipo de amigo. Amigo que está ali para todas as horas. Amigo que te ajuda nas horas ruins. Amigo que está ali nos momentos mais felizes. Amigo que é irmão. Amigo que é da família. Amigo que mesmo com  distância, continua a mesma coisa. Amigo que te trai.
Ao longo da sua vida, você vai encontrar vários tipos de amores. Amor com interesse. Amor com dúvida. Amor que surge do nada e fica com tudo. Amor que arrebata corações e depois passa. Amor que vem de mansinho e aquece o coração. Amor com reciprocidade.
Ao longo da sua vida, você vai ter muitas fases. Fase de bêbado, onde tudo se resolve com álcool. Fase rebelde, onde você só extravasa. Fase mansa, onde você encontra sua paz de espírito e permanece em paz. Fase confusa, onde tudo parece perdido e você não sabe por onde continuar. 

O final de cada coisinha em nossa vida, marca muito. Gente que não passa. Amigo que trai. Amor com reciprocidade. Fase confusa. Eu passei por todas elas.

Gente que não passa.
Gente que não tem interesse na sua vida. Algo inexistente. Não fez diferença alguma, não trouxe ensinamento, não acrescentou.

Amigo que trai.
Todos nós temos algum amigo que já tenha nos traído. Aquela amiga que fica com seu ex, sabe? Aquela que escuta todos os seus segredos e conta tudo pra quem quiser escutar. Aquela amiga que diz ser sua amiga, mas não é.

Amor com reciprocidade.
Eu acredito fielmente que isso só aconteça uma vez em nossa vida, com a famosa "metade da nossa laranja". E também desejo de todo meu coração, que eu esteja enganada, pois se eu não estiver: eu perdi o meu amor recíproco, e ficarei uma metade de laranja solitária no fim dos tempos. 

Fase confusa.
Aquela fase da vida onde nada tem solução. Tudo parece um breu, sem luz alguma para te ajudar a caminhar a frente. Aquela fase onde nem mesmo você se reconhece, e ai, você surta.

Eu passei por todas essas fases e sou a prova viva de que a vida continua. Gente que não se importa comigo e não me acrescentou coisa alguma: o que eu posso fazer? Sigo firme. Amigo traíra que eu costumava chamar de irmão: o que eu posso fazer? Sigo firme. Amor com reciprocidade, que por acaso, eu perdi para o mundo: o que eu posso fazer? Continuo seguindo firme. Aquela fase confusa onde tudo era problematização: o que eu posso fazer? Seguirei firme, sempre.
Nada é culpa minha cem por cento, e nada é mérito meu cem por cento. Fases, pessoas, amores e situações passarão em nossa vida e influenciarão os capítulos seguintes da mesma. Lute, siga em frente, não pare nunca. É muito rude, eu, uma sub escritora de romances dizer que não precisamos do afeto para sobreviver, mas é fato, para a nossa sobrevivência precisamos apenas de oxigênio. Quero dizer, que nada é tão ruim que não possa ter solução. Se tudo parece estar um emaranhado de caos, sente, respire e veja o que seu coração tem a dizer. Veja o que você mesma, tem a dizer sobre essa situação. Escute a voz que vem de dentro. Certa vez escutei que o que realmente importa, é o que pensamos sobre algo quando estamos sozinhos. Sem influências, sem opiniões alheias, apenas você e suas conclusões sobre o mundo.
Então siga em frente e procure felicidade em cada pedacinho do mundo. E se lembre que, nem tudo é culpa sua, tudo tem solução.


"Look at you. You’re young. And you’re scared. Why are you so scared? Stop being paralyzed. Stop swallowing your words. Stop caring what other people think. Wear what you want. Say what you want. Listen to the music you want to listen to. Play it loud as fuck and dance to it. Go out for a drive at midnight and forget that you have school the next day. Stop waiting for Friday. Live now. Do it now. Take risks. Tell secrets. This life is yours. When are you going to realize that you can do whatever you want?" - Tom Toledo (@bomdiapreguica)